_____________________________________Adicione aos favoritos _______________________________________________________________________ Clique aqui ! . . . . . . . . . . . . . .

E agora?

Por @_mulherde40 .

"Sempre namorei bastante, mas nada sério, e com meu último namorado, que foi maravilhoso, acabei engravidando, o que gerou uma linda filha. Não estamos mais juntos por opção minha, ele entendeu numa boa, sem qualquer desentendimento, e decidimos manter a amizade, o que tem funcionado muito bem. Nos falamos todos os dias, ou por conta da nossa filha, ou só para conversar mesmo. Eu não tenho nenhum desejo por ele, ou sentimento que não seja fraternal, e a recíproca é a mesma.
Mas tenho receio de encontrar alguém antes dele e ofendê-lo, ele disse que quando encontrasse alguém me contaria. Respondi que não queria me envolver em sua vida íntima, que se aparecer alguém que seja uma pessoa legal e madura para nos compreender, vai fime, e que também não contaria a ele sobre nenhum caso meu, só quando for sério!

(...)
Resposta da Mulher de 40
Acho que vocês estão certíssimos em só apresentar para a filha alguém com quem tenham um relacionamento mais sério. Mas e quando é esse momento? O momento em que seu ex aprovar? O momento em que você aprovar alguma namorada que seu ex venha a ter?

0 comentários:

Postar um comentário

 
____________________________________________________________